O veículo pode ter conectado fisicamente de forma definitiva, apenas 1 equipamento (odômetro com a função de zerar total ou parcialmente, com 1 ou mais visores de odômetros), que não seja de fabricação original do veículo e que mostre a medição de metros / quilômetros / milhas, tidas como real de forma mecânica ou eletromecânica (não pode ser digital), com largura máxima de 15cm.

 

Ficam permitidos durante o rallye, equipamentos de navegação digital com no máximo 15cm, com auxílio de GPS ou não, e/ou com funcionamento através de redes bluetooth, wi-fi, ou qualquer tipo de conexão telefônica celular ou remota. Assim como ficam permitidos equipamentos com pulso sonoro, visual (luzes) ou vibratório, calculadora cientifica ou não, e/ou outro instrumento portátil, que abrigue programas específicos de rallye, que não ultrapasse uma largura máxima de 15cm.

 

Existirá uma só categoria de competição, mesmo que a dupla competidora (para automóveis, para motocicleta, pode ser apenas o piloto), só utilize cronômetros e odômetro original do veículo. Se for utilizado equipamento fora dos parâmetros exigidos no Regulamento, tal veículo juntamente com sua dupla competidora, terá como pena a desclassificação do rallye.

 

Será permitido o uso de rádios atuantes nas bandas VHF, UHF ou PX (CB), acoplados ao veículo, que não sejam HT ou similares portáteis.

 

Itens obrigatórios a ser verificado na apresentação do automóvel:

a-) dois extintores de incêndio de carga não inferior a um quilograma (1kg) cada, em perfeito estado de funcionamento e validade;

b-) macaco (original ou não);

c-) chave de roda (original ou não);

d-) triangulo refletivo;

e-) estar em pleno funcionamento todos os faróis (alto e baixo), todas as lanternas, ambas as luzes de freio e se for o caso, ambas as luzes de ré e pisca-pisca;

f-) chave geral (bipolar ou tripolar), para ligar e desligar a parte elétrica toda do veículo (localizada dentro ou fora do veículo, com chave removível ou não – padrão FIA). Se a chave ficar dentro do veículo essa deve ser instalada ao alcance da mão do piloto ou do copiloto, porém, se ficar fora, deve haver sinalização internacional do seu local e ser instalada em fácil acesso a terceiros. Para as motocicletas devem estar funcionando todas as luzes e freios.